Portuguese English French German Italian Russian Spanish
O que é o PIB farmcpatoday/google

O que é o PIB

PIB é a sigla para Produto Interno Bruto, e representa a soma, em valores monetários, de todos os bens e serviços finais produzidos numa determinada região, durante um período determinado.

O PIB é um dos indicadores mais utilizados na macroeconomia, e tem o objetivo principal de mensurar a atividade econômica de uma região. Na contagem do PIB, considera-se apenas bens e serviços finais, excluindo da conta todos os bens de consumo intermediários.

Para o cálculo do PIB:
São considerados o que as empresas dos setores primário (agropecuária e extrativismo), secundário (indústrias) e terciário (comércio e serviços) estão produzindo e gerando em termos de riqueza; e o que as famílias, as instituições e o governo estão consumindo. O dado também analisa os investimentos realizados em determinados setores e os resultados das importações e exportações de mercadorias.

PIB per capita/por pessoa:
O Produto Interno Bruto per capita (por pessoa) mede quanto, a partir do total produzido, caberia a cada brasileiro, se a distribuição fosse igualitária, se todos tivessem acesso a partes iguais do todo. Um país com maior PIB per capita tende a ter um maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). Quanto maior o PIB por pessoa, maior a qualidade de vida e o acesso a bens e serviços.

PIB alto:
Significa que as empresas estão produzindo e vendendo mais e as pessoas estão consumindo mais, o que quer dizer que o país está economicamente mais ativo, gerando mais riquezas.

Dados para cálculo:
No Brasil, o cálculo do PIB é feito pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), primeiramente a partir de dados já existentes de pesquisas anteriores (na indústria, comércio e agropecuária). O IBGE obtém esses dados através de formulários que são enviados às empresas e ao governo. Os formulários são devolvidos preenchidos e, a partir desses dados e outros recolhidos anteriormente pelo próprio instituto, os técnicos do IBGE analisam, fazem os cálculos e chegam ao resultado final do PIB.

Restrições do cálculo: 
Embora seja um dado muito importante para sabermos a respeito do crescimento econômico de um país, há algumas limitações no cálculo do índice: o PIB não avalia a distribuição de renda desigual e não diferencia as riquezas geradas pelas empresas nacionais das estrangeiras instaladas no país.

O que entra no cálculo:

  • Bens e produtos finais: Aqueles vendidos ao consumidor final, do pão ao carro.

  • Serviços: Prestados e remunerados, do banco à doméstica.

  • Investimentos: Os gastos que as empresas fazem para aumentar a produção no futuro.

  • Gastos do governo: Tudo que for gasto para atender a população, do salário dos professores à compra de armas para o Exército.


O que não entra no cálculo:

  • Bens intermediários: Aqueles usados para produzir outros bens

  • Serviços não remunerados: O trabalho da dona de casa, por exemplo

  • Bens já existentes: A venda de uma casa já construída ou de um carro usado, por exemplo

  • As atividades informais e ilegais: Como o trabalhador sem carteira assinada .

 

  • Nunca administre qualquer tratamento sem consultar um profissional da área. Esse site é meramente informativo e não oferecemos consultas gratuitas.
LINK: