Portuguese English French German Italian Russian Spanish

No processo de domesticação do gato, houve pouca manipulação do homem, tanto que há pouca variação entre as diferentes raças conhecidas. Há estudos que comprovam que a genética do gato doméstico de hoje é muito semelhante a do gato selvagem. Em decorrência disso, podemos imaginar que o comportamento deles também não sofreu grandes alterações.

Ainda hoje eles possuem diversos comportamentos instintivos de um gato na natureza, de vida livre, que precisa caçar a todo momento, procurar lugares seguros para se proteger de possíveis predadores, entre outros.

Essas características são importantes para entendermos o gato de hoje e a partir desse entendimento, conseguir adequar o nosso ambiente para que ele seja um animal sadio, livre de estresse e equilibrado.

Os gatos passam por diversas etapas que influencia no seu desenvolvimento psicológico. Essas etapas vão colaborar para determinar como será o temperamento e comportamento desse gato adulto. Porém, mesmo o animal adulto, toda e qualquer situação que ele passar, será de aprendizado e ele pode mudar o seu comportamento durante toda a vida. As características comportamentais também sofrem influencia da raça do animal (pela genética também, tanto racial, como daquela prole) e pelo ambiente físico e social.

Mãe gestante: o comportamento do filhote já sofre influência aqui. Uma mãe que seja dócil e permita o contato físico e carinhos, terá chances maiores de ter filhotes mais calmos e equilibrados. Mães que passam por situações de estresse podem gerar filhotes medrosos, ansiosos e menos sociais.

Além disso, gatas gestantes que passam por subnutrição podem gerar filhotes com atrasos no desenvolvimento e, inclusive, agressivos.

Período neonatal: Período que compreende do nascimento até 2 semanas. O gato nasce sem enxergar e sem ouvir. Eles vão abrir os olhos em torno de 8 dias de vida porém sem enxergar muito bem ainda, sendo os estímulos de luz importantes nessa época para desenvolver esse sentido.

Nessa fase, eles utilizam do tato, do olfato e do calor para se situarem no espaço e procuram estar sempre próximos da mãe e da ninhada, pois ainda não possuem um sistema orgânico capaz de manter sua temperatura adequada sozinho.

Aqui é muito importante o tutor dessa ninhada estimular o toque, fazendo massagem em suaves prestações, mas várias vezes. Assim, podemos ter filhotes mais dóceis.

Período de Sociabilização: Vai da 2ª ou 3ª semana de vida até os 2 meses.

Fase mais sensível, mas também é o tempo em que o filhote deve permanecer com a mãe e com os filhotes até o desmame, que deve ocorrer no mínimo com 45 dias até os 60. Aqui eles começam a se afastar do ninho, ocorre o início do desmame e com 6 semanas de idade, os filhotes começam a querer enterrar seus excrementos.

É Fase em que o animal deve ser exposto a diversas pessoas e animais diferentes. Isso significa que a pessoa que tem essa ninhada em casa tem um papal fundamental nesse período. Aqui, o animal deve ser manuseado, ser acostumado ao toque, conhecer outras espécies para assim facilitar o convívio posteriormente. É, muito importante, devemos mostrar a eles as regras de convívio, impor os limites, de brincadeiras não saudáveis, de mordidas. Educar o animal a se adaptar aos seus horários e rotina. E tudo isso, quem faz, principalmente, é aquela pessoa que está com a mãe e os filhotes.

Quando decidimos adotar ou comprar um filhote e ele ainda não está com idade suficiente para ir para a nossa casa, nós podemos (e devemos) visitá-lo periodicamente, para que nesse período sensível, ele me conheça, se adapte a mim e eu a ele, onde eu, como futura tutora, já brinco e imponho limites.

Podemos instituir treinamentos, recompensando comportamentos adequados e ignorando os que eu não quero que ele repita. Preciso lembrar também que o filhote (e o adulto também) está sempre aprendendo, esteja eu ensinando ou não.

Período Juvenil ou adolescência: De 2 a 3 meses até de 6 a 12 meses. O gato é considerado adulto quando ele desenvolve a sua maturidade sexual, sendo que as fêmeas amadurecem sexualmente,em média, de 5 a 9 meses de idade e os machos, dos 9 aos 12 meses. A visão dos gatos se desenvolvem até os 4 meses de vida e eles não enxergam no escuro total. Têm seu pico de brincadeiras aos 4 meses, sendo que depois, isso vai diminuindo.

Adulto: Animal sexualmente maduro. Esta desenvolvido fisiologicamente e psicologicamente, mas seu comportamento pode mudar durante toda a vida.

Continuaremos falando sobre filhotes.

Esse texto foi útil para você? Compartilhe com seus amigos ^^

Sarah Paschoal Scarelli =^-^=

Publicado em Manejos

Mais Vistos

Principais raças de ovinos

Principais raças de ovinos

Aqui estão listadas as principais raças de ovinos onde podemos...

Confinamento de boi de corte

Confinamento de boi de corte

É chamado de confinamento o sistema de criação de bovinos...

Abscessos causados por brigas em gatos

Abscessos causados por brigas em gatos

Um abscesso se desenvolve quando germes ficam presos sob a...

Ausência de ânus em cães e gatos

Ausência de ânus em cães e gatos

Atresia anal associada a fístula retrovaginal em cães A ausência...

Sanidade em pequenos ruminantes

Sanidade em pequenos ruminantes

A produção de pequenos ruminantes tem apresentado um crescimento mundial...

Ingestão de corpo estranho em cães

Ingestão de corpo estranho em cães

Com grande frequência atendemos pacientes onde os tutores relatam a...

Verminose Equina

Verminose Equina

Os equinos apresentam grande variedade de parasitos, principalmente vermes. Algumas...

Cólica Equina: Causas,Tratamentos e Prevenção

Cólica Equina: Causas,Tratamentos e Prevenção

A cólica equina é uma doença que afeta o aparelho digestivo e...

Hipoglicemia - Perda de consciência e estado de coma

Hipoglicemia - Perda de consciência e estado de coma

A baixa taxa de açúcar no sangue, tecnicamente chamada de...

Colostragem de bezerros leiteiros

Colostragem de bezerros leiteiros

Um dos aspectos mais importantes no sucesso na criação de...

Febre do leite ou hipercalcemia puerperal

Febre do leite ou hipercalcemia puerperal

Paresia bovina do parto, ou também conhecida como Febre do...

Carrapatos transmitem infecções aos seres humanos e animais

Carrapatos transmitem infecções aos seres humanos e animais

Os carrapatos afetam muito mais os cachorros do que os...

O gato Persa

O gato Persa

História   Por volta dos anos 1600, um viajante Italiano,...

Fornecimento de feno de alfafa picado ou peletizado para bezerros leiteiros

Fornecimento de feno de alfafa picado ou peletizado para bezerros leiteiros

A inclusão de forragem na dieta de bezerros leiteiros foi...

Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose)

Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose)

A Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose) É enfermidade infecto-contagiosa crônica de localização...

Raça: Maine Coon

Raça: Maine Coon

História   Uma das raças mais antigas na América do...