Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Toxoplasmose e o gato

Você com certeza já ouvir falar que mulher grávida não pode ter gatos! Ou até já passou por isso. Pois bem, o problema na teoria é uma doença chamada Toxoplasmose, da qual o gato é o hospedeiro natural, onde a doença completa o seu ciclo.

Essa lenda é cruel com os bichanos. Muitos são abandonados quando sua dona descobre que será mãe ou mesmo quando ela tem esse plano em construção. Mas o pior é saber que não é nadinha incomum que os próprios médicos indiquem e afirmem essa necessidade. É muito triste.

É uma doença parasitária, que tem como agente etiológico o Toxoplasma gondii e é nos intestino dos felídeos que o protozoário completa seu ciclo de vida, liberando-o pelas fezes , em forma de oocisto, que é uma forma do protozoário não infectante. Dessa forma, são os felídeos os hospedeiros naturais do protozoário, sendo raro essa espécie animal ter a doença clínica.

Mas isso não quer dizer que você vai adquirir a doença diretamente por ter contato com o gato. Muito pelo contrário.

Esse é o detalhe, o protozoário em forma de oocisto não é infectante! Logo, as fezes frescas não são meio de transmissão da Toxoplasmose! O que acontece é que de 36 a 72 horas (varia de acordo com o clima) após o animal defecar, esse oocisto vai esporular no ambiente (se “transformar”) e aí sim ele se torna infectante. Qual o segredo para não se infectar “pelo gato”? Limpar a caixinha de areia dele todos os dias, o que teoricamente era para se fazer independentemente do risco da Toxoplasmose (risco porque não é regra que o gato tenha o toxoplasma)

As formas reais de contaminação pela forma de oocisto do protozoário é através da terra, onde a forma contaminante fica em suspensão no ar (práticas de jardinagem e em parques infantis) e pela ingestão de verduras mal lavadas. Dessa maneira, a prevenção fica fácil. Quando for mexer na terra, utilize máscaras e luvas e sempre lave bem as verduras antes de comer.

Quando esse oocisto cai na corrente sanguínea, ele começa a se multiplicar, se transforma e se aloja na musculatura do animal que a ingeriu, ficando lá na musculatura em forma de cisto, podendo persistir no tecido por toda a vida do animal, sem causar problemas clínicos. Assim, quando ingerimos uma carne crua ou mal passada, também podemos adquirir a Toxoplasmose.

Animais vertebrados se infectam através da ingestão de qualquer uma das formas do protozoário. O gato, por sua vez, só se infecta através de alimentação carnívora e após a disseminação do protozoário pelo organismo felino, o gato elimina o oocisto pelas fezes APENAS de 3 a 21 dias NA VIDA (uma média de 10 dias). Alguns autores referem até que os gatos eliminam UMA ÚNICA VEZ e nunca mais.

É isso mesmo! Se podemos nos infectar pelo gato, temos que respirar bem perto de fezes ANTIGAS de um gato e exatamente na época em que ele esta eliminando os oocistos.

A não ser que alguém coma as fezes do gato...o que é difícil né, hehe (bom, assim eu espero), e ainda assim na época em que ele esta eliminando os oocistos.

Dessa maneira, as medidas preventivas COERENTES contra as chances de adquirir toxoplasmose seriam:

- Usar luvas e máscaras ao mexer com jardinagem e lavar bem as mãos após;

- Lavar muito bem as verduras e legumes antes de consumir;

- Cozinhar todos os produtos derivados de carne a 66°C;

- Usar luvas ao manusear carnes e lavar bem as mãos após o procedimento;

- Limpar a bandeja sanitária dos gatos todos os dias;

- Lavar a bandeja sanitária periodicamente com água quente.

- Não permitir que o gato cace;

- Não fornecer carne crua aos gatos.

Toxoplasmose e a gestação

A infecção primária em mães durante a gestação pode resultar na toxoplasmose no feto: nascimento prematuro; doença do SNC e doença ocular.

A maioria das pessoas saudáveis que entram em contato com o protozoário adquirem imunidade contra ele e não desenvolvem a doença clínica, mas vão carregar pro resto da vida essa defesa natural do corpo contra a Toxoplasmose.

Assim, pensando na infecção por Toxoplasma, é melhor que as mulheres entrem em contato com a Toxoplasmose antes de ficarem grávidas, adquirindo imunidade, não tendo riscos durante a gestação, do que mulheres que nunca entraram em contato com o protozoário. Veja bem, estou falando de infecção por Toxoplasma, não dizendo que é pelo gato que nós, mulheres, vamos nos contaminar, ok?! É só mais um ponto a favor dos gatos na vida das pessoas.

Crianças e gatos

Bom, já há várias e várias comprovações cientificas que demonstram que quanto mais as crianças tem contato com animais desde pequeninas, melhor para a sua imunidade e inclusive para seu desenvolvimento pessoal e social. A toxoplasmose é só mais uma infecção existente que pode atingir as crianças e, na maioria das vezes, levando ela a criar a imunidade para a doença e mais uma vez, não se contaminando pelo gato em grande parte dos casos (é muito comum nós nem sabermos se fomos ou estamos infectados pelo protozoário, uma vez que se nossa imunidade estiver boa, dificilmente desenvolveremos quaisquer sintomatologia clínica).

Inclusive pensando em alergias “a gatos”, quanto mais cedo a criança entrar em contato com qualquer coisa que possa ser alérgeno para ela, menores são as chances dela desenvolver alergias durante a sua vida.

Bom, acho que é isso. Você tem alguma dúvida ainda sobre a doença? Fique a vontade e comente que eu terei o maior prazer em responder e se você, assim como eu, gostaria de eliminar esse preconceito do mundo, compartilhe o post ^^.

  • Nunca administre qualquer tratamento sem consultar um profissional da área. Esse site é meramente informativo e não oferecemos consultas gratuitas.
LINK:

Sobre o autor

Website.: gatalia.com.br

Graduada pela Universidade de Marília - UNIMAR. Atualmente cursando mestrado na área de Clínica Médica Veterinária na UNESP de Botucatu. Atua na área de clínica e comportamento de cães e gatos, com foco voltado para gatos.

 
CRMV: 34.988-SP
 
Contato: (14) 99684-0784
Botucatu - SP
E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Mais recentes de Sarah Paschoal Scarelli

Mais Vistos

Principais raças de ovinos

Principais raças de ovinos

Aqui estão listadas as principais raças de ovinos onde podemos...

Confinamento de boi de corte

Confinamento de boi de corte

É chamado de confinamento o sistema de criação de bovinos...

Abscessos causados por brigas em gatos

Abscessos causados por brigas em gatos

Um abscesso se desenvolve quando germes ficam presos sob a...

Ausência de ânus em cães e gatos

Ausência de ânus em cães e gatos

Atresia anal associada a fístula retrovaginal em cães A ausência...

Sanidade em pequenos ruminantes

Sanidade em pequenos ruminantes

A produção de pequenos ruminantes tem apresentado um crescimento mundial...

Ingestão de corpo estranho em cães

Ingestão de corpo estranho em cães

Com grande frequência atendemos pacientes onde os tutores relatam a...

Verminose Equina

Verminose Equina

Os equinos apresentam grande variedade de parasitos, principalmente vermes. Algumas...

Cólica Equina: Causas,Tratamentos e Prevenção

Cólica Equina: Causas,Tratamentos e Prevenção

A cólica equina é uma doença que afeta o aparelho digestivo e...

Hipoglicemia - Perda de consciência e estado de coma

Hipoglicemia - Perda de consciência e estado de coma

A baixa taxa de açúcar no sangue, tecnicamente chamada de...

Colostragem de bezerros leiteiros

Colostragem de bezerros leiteiros

Um dos aspectos mais importantes no sucesso na criação de...

Febre do leite ou hipercalcemia puerperal

Febre do leite ou hipercalcemia puerperal

Paresia bovina do parto, ou também conhecida como Febre do...

Carrapatos transmitem infecções aos seres humanos e animais

Carrapatos transmitem infecções aos seres humanos e animais

Os carrapatos afetam muito mais os cachorros do que os...

O gato Persa

O gato Persa

História   Por volta dos anos 1600, um viajante Italiano,...

Fornecimento de feno de alfafa picado ou peletizado para bezerros leiteiros

Fornecimento de feno de alfafa picado ou peletizado para bezerros leiteiros

A inclusão de forragem na dieta de bezerros leiteiros foi...

Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose)

Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose)

A Linfadenite Caseosa (Pseudotuberculose) É enfermidade infecto-contagiosa crônica de localização...

Raça: Maine Coon

Raça: Maine Coon

História   Uma das raças mais antigas na América do...